Fernanda Rosito escreve nas segundas-feiras.
Passeio pela Política

Primeiro veio a Hotelaria, depois uma passagem pelo Direito e, finalmente, Ciências Políticas. Esse foi o caminho inicial traçado pela sócia-diretora da revista Voto, Karim Miskulin. Sorriso largo, cabelos cacheados e olhos cor de mel figuram um rosto pra lá de simpático. Bem, beleza externa à parte, uma certeza eu tenho: ela sabe o que fala!

Também posso afirmar que a Karim é super respeitada no ambiente em que transita, e isso inclui um público masculino em sua maioria. Ser isenta, mas bem informada; empresária, mas com olhar jornalístico; ter solidez, mas querer muito mais do que já conquistou. Talvez sejam contrapontos que definam bem aquela que criou uma revista tão conceituada hoje em dia.

Karim é também uma reconhecedora do papel feminino do mundo, seja ele no mercado dos negócios, seja na política. Ela sabe a importância que representa e quer seguir fazendo isso com muita responsabilidade. Até porque há dois conceitos que conhece bem: “fazer política não é fazer politicagem”.

Muitas frases poderiam resumir a vida dela, mas, ao ser questionada, escolhe uma: “Até aqui, gostei do que vi, do que fiz e dos propósitos que venci. Para conquistar mais, tenho a vida pela frente. Está só começando!”

Gente, vale a pena. Passa lá e dá uma conferida nessa entrevista pra lá de especial! Até a próxima semana.