Fernanda Rosito escreve nas segundas-feiras.
Votei

Voltei. E agora para ficar

2018 completo 20 anos de carreira. São 20 anos dedicados à informação, ao jornalismo, à comunicação e a dar visibilidade a empresas e pessoas. Isso porque a maior parte do eu trabalho foi dedicado à comunicação corporativa.
Comecei sozinha e fui crescendo devagar. Não tenho duvidas que alcancei o topo. Fiz tanta coisa, trabalhei bastante. Bastante mesmo. Até consegui ganhar uma grana... Mas recuei. Em 2017 tirei o pé do acelerador para me dedicar, quase que exclusivamente, a um homem. Sim, ao meu pacotinho. Ao meu filho Enzo.

Conciliar trabalho e maternidade estava difícil, dentro do padrão que eu e meu marido escolhemos. Foi difícil, tem sido difícil. Mas já é hora de retornar.